Publicações

10/02/2018 Trabalho de inventário patrimonial feito pela Mauss em Capivari do Sul, completa 4 anos

Eis a noticia publicada a 4 anos pelo Jornal Integração Regional

A Mauss Consultoria, nesta semana, finalizou o inventário do patrimônio imobilizado do Município de Capivari do Sul, o primeiro de 2014, mas o 14º realizado pela empresa, desde o ano de 2012.
Especializada nesse trabalho, e contando com uma equipe de profissionais formada por: contadores, administradores, engenheiro mecânico e arquiteta, a empresa desbrava o Rio Grande do Sul realizando um trabalho que compreende: localizar todos os bens físicos de propriedade do município, etiquetar, reavaliar, recadastrar no sistema informatizado e calcular a depreciação de todos esses bens que são: bens móveis (cadeiras, mesas, computadores e etc), imóveis (terrenos e prédios), veículos e máquinas de propriedade do município.

Esse trabalho é realizado em municípios de vários tamanhos, desde pequenos como: Nova Boa Vista, Capivari do Sul, Passo do Sobrado, dentre outros maiores como: Estrela, Teutônia, Nova Prata e etc.

Todos os municípios são obrigados pelas Normas Brasileiras de Contabilidade (NBCASP) a realizar esse inventário para que o seu ativo imobilizado expresse a verdadeira posição patrimonial, e assim, a contabilidade expresse a verdade.

“Nos casos que a Mauss atuou, na maioria dos municípios a situação é quase a mesma como a de Capivari do Sul, que foi entregue essa semana. O imobilizado que estava avaliado em cerca de 9 milhões, passou a representar 25 milhões. Em Estrela, a empresa inventariou 22.000 itens, onde o seu valor passou de 29 milhões para 118 milhões, ou seja, o valor patrimonial estava totalmente defasado e incorreto, fato que, afeta diretamente a capacidade de endividamento municipal e a veracidade da informação contábil”, salienta o contador Cezar Volnei Mauss.

Segundo ele ao realizar o inventário patrimonial de acordo com as regras das NBCASP, é crucial para que o ativo imobilizado expresse a realidade da posição patrimonial municipal. E como os municípios possuem dificuldade em realizar este trabalho com uma equipe própria, seja pela falta de pessoas com disponibilidade de tempo para esse trabalho que é muito grande, seja pela complexidade do conhecimento contábil exigido, de engenharia e de gestão, é que os prefeitos estão decidindo terceirizar o inventário para a Mauss Consultoria que montou uma equipe multidisciplinar e com o conhecimento técnico necessário para resolver este problema dos municípios.

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sentadas, pessoas em pé e área interna